Tratamentos para clarear áreas escuras da pele
13/10/2016 - Por Flavia Marques

As manchas na pele afetam uma grande parte das pessoas e muitas delas sentem-se bastante incomodadas com as marcas que ficam no rosto ou alguma outra parte do corpo. Com o passar do tempo, áreas como axilas, virilha e as coxas costumam escurecer em relação ao tom normal da pele. Isso é comum, já que essas regiões se localizam na parte interna dos membros e por isso sofrem maior atrito, o que pode ocasionar irritação e hiperpigmentação. Além disso, alergias, depilação com lâmina, assaduras, irritações por rejeição a cremes, também podem escurecer a pele.

Especialmente após a adolescência e em algumas situações específicas como a gravidez, por exemplo, a pele já começa a escurecer, pois os hormônios estimulam a produção de pigmento. Na gravidez, pode ocorrer tanto o escurecimento de pintas ou sardas preexistentes, quanto o surgimento de novas lesões, além do aparecimento de uma linha escura no abdome, hiperpigmentação de cicatrizes, axilas e virilha.

O melasma também é muito frequente na gravidez, especialmente após o primeiro trimestre. Ele surge no rosto e mais raramente em outras regiões do corpo, que recebe uma influência hormonal importante e piora muito com a exposição solar, por menor que seja.

Outras causas também podem levar ao escurecimento da pele. Áreas como axila e virilha podem escurecer devido à prática da depilação. Já as coxas, por ser uma área de atrito, pigmentam-se devido à irritação, como um reflexo de defesa da pele, ou após inflamações e infecções.

 

Tratamentos para homens e mulheres

O escurecimento da pele pode atingir homens e mulheres. Pessoas de pele negra apresentam um escurecimento com mais facilidade, já que a produção do pigmento é maior. Para tratar, dependendo do tipo de mancha e da localização, peelings e sessões de laser podem auxiliar a acelerar o clareamento. São usadas substâncias clareadoras, muitas vezes combinadas. Em certos casos, é preciso tratar a condição que está levando a pele a apresentar manchas, como a acne, as dermatites e outras doenças que podem escurecer a pele. Se o quadro não for tratado corretamente, as manchas continuarão a aparecer. 

Mas, muitas pessoas recorrem a diversas receitas caseiras para tentar eliminar as manchas escuras, mas a médica alerta que é preciso cuidado. Limão com açúcar, argila, aveia, fubá e tantas alternativas caseiras podem acabar piorando a situação. É preciso consultar um especialista para ter o diagnóstico correto e receber o tratamento adequado para cada tipo de pele. A melhor forma de prevenir é usando filtros solares de qualidade e evitando exposição ao sol, à luz (telas de computador, por exemplo) e ao calor.

Comentar

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Comentários

Nenhum comentário ainda.
Flavia Marques
(9 posts)
Flavia Marques, mineira, Jornalista. Compradora compulsiva de livros, esmaltes e batons. Ama marshmallow, cinema, TV shows, viagens e música. É aquariana: independente e emocional. Tem uma mania insuportável de querer sempre falar o que pensa. Chorona, curiosa, determinada e doce. É fascinada por tudo que envolva o universo feminino – roupas, acessórios, maquiagens, sapatos, cosméticos etc. Adora escrever, não importa o assunto, é viciada em blogs e revistas de moda. Por isso resolveu criar esse espaço.
Quer saber mais sobre Flavia Marques? Facebook, Twitter, Instagram.
 
SIGA NOSSOINSTAGRAM

Newsletter

Cadastre seu e-mail e fique por dentro das novidades!

Atendimento

2ª á 5ª 8hs às 18hs

8hs às 17hs

  • (31) 3429-9200
  • Rua Leopoldino de Oliveira, 798 - Nova Esperança Belo Horizonte - MG - CEP.: 31230-532